Pular para o conteúdo principal

Rotina do bebê e recomendação de atividades e brinquedos

Uma leitora pediu que eu escrevesse sobre a rotina de uma mãe de primeira viagem com bebê em casa.

A verdade é que existem inúmeras vertentes dizendo como montar a rotina em casa, como as dos livros "Encantadora de Bebês", "Nana Nenê", ... O que posso  falar é da minha experiência com a Clara, que é trabalhosa, porém tranquila, sem neuras e muito prazerosa!

Antes da Clara nascer, li muito este tipo de livros e pesquisei muito. A verdade é que, no meu caso, valeu muito mais minha intuição do que qualquer teoria. Tentei aplicar alguns conceitos que achei interessantes, mas não fui radical e nunca gostei de deixar meu bebê chorando no berço para ela aprender a se adaptar a algo. Acredito que não há manha antes dos 6 meses e que o choro sempre representa a necessidade de algo. E que, se eu deixar chorar, sim resolverei o problema do choro (bebê vera que chorar não adianta e pára), mas como saberei quando e se ela precisa de algo? E como fica o mundinho dela ao ver que estão se recusando a atender alguma necessidade dela? Bom, eu prefiro ser maleável e ir adaptando as rotinas dela, esticando um horário aqui, mudando um jeitinho ali, mas não quero jamais que ela tenha o sentimento de abandono. De novo, estou dizendo como faço aqui em casa, não quer dizer que meu jeito seja o certo, mas sim é o jeito que acredito ser o melhor para minha filha. Desde bebê, não imponho nada, apenas negocio a questão dos horários e rotina.
Para quem não conhece, segue método EASY (que significa  eat (comer ou no caso, amamentar), activity (atividades) sleep (dormir), yourself (tempo para a mamãe)) pregado pelo livro "A Encantadora de Bebês"



E por falar em rotina, grande verdade é que o bebê cria uma rotininha própria.  Como disse, o que faço  é ir a ajustando para horários que funcionem para nós, mamãe e papai...

A rotina da Clara, de 3 meses, por exemplo, é guiada por mamadas de 3 em 3h durante o dia e, durante a noite deixo ela dormir o quanto quiser, não a acordo mais para mamar (isso com o "de acordo" do pediatra, que a acompanhou e viu que ela estava ganhando peso desta forma). Ela que se adaptou a este intervalo de mamadas, que não trato com rigidez não e, caso ela queira antes, eu ofereço sim (livre demanda).
Vou contar aqui apenas a vida com a bebê... Não tenho babá e eu mesma faço todos os afazeres domésticos, com faxineira apenas 1x na semana. 

Vamos lá!

Entre 4:00 e 5:00h: ela acorda, solicita mamada matinal (peito) e volta a dormir mais um pouquinho.

7:00h: ela acorda, mama mais um pouquinho e a arrumo

8:00h: passeio matinal** de carrinho ou canguru. O negócio é ver rua um pouco. Engraçado que todos os dias, neste horário, ela fica inquieta até sair!

10:00h: mama e tira uma sonequinha  rápida. É a hora que eu tenho para tentar preparar o almoço.

10:30h-11:00h: Acorda e quer brincar. Tento variar as atividades* (explicarei abaixo as atividades que pratico com ela nesta fase) de acordo com os meses que ela está, conforme recomendação do pediatra dela.

13:00h - mama e dorme


15:00h - acorda e já solicita alguma atividade*. Tenho que variar as atividades citadas acima, já que ela costuma a ficar entretida uns 20 min em cada uma das atividades, no máximo. Depois disso, chora pois quer mudança de cenário! Rsrsrs... Aí toca a mãe aqui pensar em outra atividade, até que de sono. Já vi a Clara dormir no colchão de atividades, de tão cansada que ficou!

16:00h: mama e tira uma soneca. As vezes dorme até a hora do banho, mas se a soneca é rápida, brinco um pouco com ela.

18:00h/ 19:00h: Banho! A Clara se acostumou com o banho por volta deste horário e é muito difícil adiar o banho dela. Ela berra se eu passar das 19h o banho, chega até a ser engraçado como ela exige rotina! O banho é sempre uma bagunça, ela bate muito as perninhas, segura os bichinhos na água, uma fofura!



Após o banho (19:00/19:30h), ela mama e dorme bastante, até as 23:30h e meia noite, quando acorda para mamar e volta a acordar só as 4 ou 5:00h.

O grande desafio agora é fazer com que ela não precise mais desta mamada das 4:00h / 5:00h, de forma que durma até as 7:00h 🙌

**O passeio:


Todas as manhãs em casa temos a rotina de dar uma voltinha para passear e pegar solzinho da manhã. Clarinha ama passear de Canguru (aquela mochila em que se coloca e bebê), parece que gosta até mais que o carrinho (que ela curte também). Ela fica muito risonha, acho que é porque ela vê o mundo de uma perspectiva diferente da usual. O Canguru esquenta um pouco, então o legal mesmo é usá-lo nestes dias fresquinhos, como estão fazendo aqui em São Paulo.




*Atividades


As atividades variam por idade da criança. Explicitarei abaixo as atividades da Clara, que tem 3 meses (fará 4meses esta semana). Todas estas atividades foram recomendadas e/ou aprovadas pelo pediatra dela.

- Colchão de atividades da Fisher Price. Auxilia no desenvolvimento motor e dos sentidos da criança.



- Bouncer também da Fisher Price:  ela usou muito desde RN, mas agora não está mais muito fã dele. Deve ser porque está crescendo e logo não caberá mais lá. Uma pena, pois graças a este balancinho tive muito sossego nos meses anteriores


- Tummy time: são os exercícios de barriga para baixo (atividades de bruços e rolamento)


- Leitura: com 3 meses e meio é bom ler para a criança, por mais que ela não entenda ainda, ela está desenvolvendo fortemente a comunicação nesta fase

- Atividades na frente do espelho: apesar do bebê ainda não se reconhecer, ele desenvolve a linguagem facial e corporal com esta atividade. A partir do 3 mês de vida, ao colocar um espelho na frente do seu filho você vai ver um enorme sorriso. As crianças adoram se olhar no espelho, assim como olhar para a mãe ou para o pai. Até por volta dos 6 meses, a face humana é a imagem preferida dos bebês.



- Ofurô: relaxa, pois simula o ventre materno

- Móbile com música


- Projetor de estrelinhas no teto com música, da Chicco. Acalma e ajuda na sonequinha


- Mordedores: ajudam a coçar a gengiva. Alguns possuem desenhos alto relevo e ficam geladinhos, o que ajuda no desenvolvimento sensorial.



- Brinquedinhos: Para esta fase, super recomendo como brinquedo:


   - A girafa Sophie: Nascida em 1961 na França, já teve mais de 20 milhões de unidades vendidas e continua em alta mundo afora. Para os bebês franceses, já faz parte da lista do enxoval: 9 a cada 10 bebês ganham uma Sophie la girafe por lá ainda nos dias de hoje. Ela também é a queridinha dos filhos das celebridades internacionais e já ganhou inúmeros prêmios. Mas o que faz desta girafinha um brinquedo de tanto sucesso? Bom, além de ser um brinquedinho fofo, ela é um mordedor, é feita com material natural e estimula todos os sentidos do bebê. Olha um resuminho. Visão: o bebê de 3 meses ainda ainda não tem a vista bem desenvolvida e só enxerga grandes contrastes. Por isso, as manchas escuras no corpo da girafa são ótimas para o bebê reconhecê-las. Audição: quando apertamos a girafa ela faz aquele barulhinho típico dos brinquedinhos de borracha de criança. Paladar: é toda feita em borracha 100% natural* e tinta própria para alimento, ela é macia e tem várias partes para o bebê morder (orelhas, pernas, boca, chifres). *Super importante em tempos que sabemos os malefícios que alguns componentes dos plásticos, como BPA e Ftalatos, podem trazer a nossa saúde. Tato: é macia e lembra o aspecto da pele da mamães, o que acalma o bebê. Cheiro: o cheiro da borracha natural é gostoso e fácil do bebê distingui-lo de todos os seus demais Brinquedos. Fácil de pegar: o tamanho da girafa (18 cm) é ideal para a mãozinha do bebê. É leve e suas pernas e pescoço longos e compridos facilitam a pega do bebê. (Fonte: Bebê Incrível)




   - os brinquedos Lamaze, como a borboleta Tomy. Os brinquedos Lamaze estimulam muito os sentidos, são especialmente desenvolvidos para isso! A borboleta Tomy , por exemplo, estimula a audição - faz barulhos diferentes nas asas, a visão - cores primárias de um lado e cores em destaque como preto e branco do outro lado das asas e tato da criança, devido aos diversos tipos de materiais/tecidos com que ela é confeccionada, proporcionando sensações distintas ao toque.




- Peekaboo: brincadeirinha de "achou"... Coloco a fraldinha na cara dela e tiro! Ela abre um  sorrisão!

- Estou começando a introduzir a cadeirinha Bumbo, que auxilia o bebê a sentar corretamente. Mas de leve, pois ela ainda não é muito durinha para ficar sentada nesta cadeirinha.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pão Dukan feito na Panificadora Britania

Ola Fashionistas!
Continuo navegando firme e forte na fase Cruzeiro da Dieta Dukan...Como vocês viram o resultado é inspirador e rápido (link). Esta fase admite pouquíssimos carboidratos, como o farelo de aveia, que nos permite inovar em alguns aspectos...Estes dias morri de vontade de comer pão...Procurei no Oráculo (leia-se GOOGLE), mas só vi receitas de Pão Dukan Unitário ou de Forno, nenhuma na maquininha de fazer pão.
Como ganhei de casamento uma Panificadora Britania (foto), resolvi alterar a receita de Pão Integral que vem no manual da máquina, trocndo por ingredientes permitidos pelo Dr. Dukan. Como o pãozinho ficou M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-O, resolvi dividir a receitinha com vocês!



Receita original (do manual) - NÃO SERVE PARA DIETA DUKAN


ALTERAÇÃO DA RECEITA: Pão Integral Dukan (Para fazer na Panificadora Britania)

Para 600g de pão

Ingredientes:

·        1 copo de leite desnatado com 1 ovo inteiro dentro

·        1 colher de CHÁ de sal (cuidado: Meu marido colocou uma vez 1 colher de …

Enxoval bebê nos EUA: Orlando (agora com lista completa em Excel para download)

Bom gente, mais uma vez dei uma "sumidinha", pois estava viajando (delicia)...Fui para Orlando fazer o enxoval da Clarinha e vou contar aqui no blog em detalhes o que vi e o que valeu a pena.
Fiquei por lá 5 dias, foi uma delicia e uma verdadeira maratona, vocês não imaginam o quanto...Afinal, estou a 1 semana de completar 7 meses de gravidez e o pic cai muito nesta fase! Bom, vamos lá: Tudo começou com a escolha da cidade. Por que Orlando? No meu caso, o que mais pesou na decisão foi o fato de lá haver várias lojas especializadas em coisas de bebê, como a Macrobaby e Baby R us, que facilita muito a compra, uma vez que você acha tudo no mesmo lugar. A Macrobaby, por exemplo, apesar de um pouco mais cara, tem vendedoras que falam português e possui todas as marcas de carrinhos de bebê lá para você ver e testar. Com estas facilidades, eu consegui comprar tudo em 2 dias, me restando 3 dias de férias para passear nos parques!

Vale a pena fazer enxoval lá fora? Para isso, preparei …

DIY: Cole lindas pastilhas de vidro facilmente sobre seus azulejos, sem quebradeira e sujeira!

Como mencionei aqui no blog, acabaram de entregar as chaves do meu novo apto, o que significa que estou muito envolvida com decoração e design de interiores! Estamos fazendo varias modificações no apto, de forma a mudarmos com ele do jeitinho que eu e meu marido queremos!
As incorporadoras costumam a entregar os apartamentos com as áreas molhadas (cozinha, banheiros e varanda) já com pisos e azulejos. Como já estamos fazendo muitas modificações no apto e queremos nos mudar logo, resolvi evitar mais um item de reforma e quebradeiras, apesar de querer muito dar um toque especial e de cor a estas áreas! Pensei em azulejos adesivos, pastilhas adesivas, mas na verdade o que eu queria mesmo era o brilho sem igual que as pastilhas de vidro proporcionam!!
Quando fui ver as pastilhas adesivas para comprar (estava decidida a não quebrar mais uma área da minha casa), me apresentaram o Afix, um adesivo de altíssima resistência que permite que você mesma cole as pastilhas de vidro sobre o azulejo…